terça-feira, 25 de novembro de 2014

Seminário (DRE PENHA): “Olhares para a Imigração em São Paulo"

DIÁRIO OFICIAL DA CIDADE DE SÃO PAULO – CIDADE - 25/11/2014 – PÁGINA 35
COMUNICADO Nº 1.661, DE 24 DE NOVEMBRO DE 2014

     O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições legais, conforme o que lhe representou a Diretora da Divisão de Orientação Técnica – Núcleo de Educação Étnico-Racial em parceria com a DOT-P da Diretoria Regional de Educação da Penha, COMUNICA: a realização do seminário “Olhares para a Imigração em São Paulo: subsídios para práticas pedagógicas voltadas à diversidade cultural – DRE Penha”.

I – JUSTIFICATIVA: A presença da população imigrante na cidade de São Paulo tem aumentado na medida em que a cidade se coloca como destino de diversas correntes migratórias
- especialmente de países vizinhos. Essa realidade se manifesta  na quantidade de alunos matriculados nas escolas municipais, e dados da Secretaria Municipal de Educação apontam a presença de alunos de 58 nacionalidades, sendo que atualmente somam 3.417 matrículas distribuídas entre Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio e EJA. Diante dessa presença, a “Mostra Cultural Dezembro Imigrante nos CEUs/2014” tem por propósito ressaltar aspectos referentes as populações migrantes, fornecendo ao educador instrumentos que propiciem a articulação da diversidade cultural ao currículo escolar, visando a construção de práticas II

II – OBJETIVOS:
- Promover o reconhecimento de aspectos relacionados às correntes migratórias contemporâneas na cidade de São Paulo, localizando alguns espaços de sociabilidade.
- Refletir sobre a presença dos alunos imigrantes na escola, fornecendo ao educador instrumentos de articulação da diversidade cultural de modo positivado e ações que combatam práticas discriminatórias e xenofóbicas no ambiente escolar;
- Ampliar o repertório cultural dos educadores, através de atividades que reúnem elementos áudio-visuais, musicais e conceituais;
- Fornecer subsídios teóricos que possibilitem ao educador construir uma prática pedagógica que se utilize da diversidade cultural como elemento mediador das aprendizagens.

III – CONTEÚDO:
- A presença migratória na cidade de São Paulo e políticas públicas educacionais;
- Aspectos da formação cultural andina;
- Presença dos imigrantes andinos na cidade de São Paulo.

IV – METODOLOGIA: Apresentação artística e roda de conversa sobre o conteúdo apresentado (imigração e trabalho); exposições dialogada e debates.

V – PÚBLICO ALVO: Supervisor escolar, Diretor de escola, Assistente de Diretor de Escola, Assistente Técnico de Educação I, Coordenador pedagógico, Auxiliar de Desenvolvimento Infantil, Auxiliar Técnico de Educação, Agente Escolar, Professor de Educação Infantil, Professor de Educação Infantil e Ensino Fundamental I, Professor de Ensino Fundamental II e Médio, Gestor de CEU, Coordenador de Ação Educacional, Coordenador de Ação Cultural, Coordenador de Ação de Esportes e Lazer, Coordenador de Projetos, Coordenador de Biblioteca.

VI – VAGAS: 350 (trezentos e cinquenta) vagas.

VII – PERÍODO DE REALIZAÇÃO: Dias 01/12/2014 e 02/12/2014 (Segunda e Terça-feira) das 19h às 23h.

VIII – PERÍODO DE REALIZAÇÃO: 08 (oito) horas presenciais.

IX – CRONOGRAMA:
01/12/2014: Apresentação da peça de Teatro “Camiños Invisibles” e roda de conversa com os atores e produtores do espetáculo.
02/12/2014: Políticas públicas municipais para imigrantes; formação cultural andina; visita a exposição “Qhapaq Ñan: o caminho Inca” (nas dependências do CEU Quinta do Sol).

X – LOCAL: CEU Quinta do Sol. Endereço: Av. Luiz Imparato, 564 - Parque Cisper, São Paulo – SP - Telefone:(11) 3396-3430. 

XII – INSCRIÇÕES: Os interessados deverão se inscrever através do link disponível em: http://etnicorracial.blogspot.com.br/ , entre os dias 25/11/2014 e 01/12/2014. A participação é aberta aos servidores lotados e em exercício em qualquer uma
das 13 (treze) Diretorias Regionais de Educação.

XIII – AVALIAÇÃO: A avaliação será contínua, baseada na frequência e participação nas atividades e discussões. A frequência mínima será de 100%.

XIV – REGENTES: Representante do Consulado Geral do Peru em São Paulo; Paulo Illes (Coordenação de Políticas para Migrantes da SMDHC/PMSP); Tânia Bernuy (CDHIC); Porfirio Leonor Ramirez (representante do grupo Acuarela Paraguaya).

XV – CERTIFICAÇÃO: Farão jus à certificação os participantes que obtiverem frequência de 100% (cem por cento).

XVI – OBSERVAÇÃO: Não haverá dispensa de ponto.

XVII – RESPONSÁVEIS: Adriana de Carvalho Alves, RF 723.847.9, Assistente Técnica de Educação I e Cristiane Santana Silva, RF 791.265.0, Assistente Técnica de Educação I.

XVIII – ÁREA PROMOTORA: Secretaria Municipal de Educação – Diretoria de Orientação Técnica – Núcleo de Educação Etnicorracial e DRE Penha.



OBS: os cursos são importantes para a evolução funcional.




Nenhum comentário:

Postar um comentário