terça-feira, 26 de maio de 2015

DRE - curso optativo “Histórias de vida e identidade Negra – Um passeio crítico sobre filmes e músicas da cultura negro-brasileira”

DIÁRIO OFICIAL DA CIDADE DE SÃO PAULO – CIDADE - 27/05/2015 – PÁGINA 32

RETIFICAÇÃO DA PUBLICAÇÃO DO DOC DE 26/05/15, PÁG. 42, COMUNICADO Nº 735, DE 25 DE MAIO DE 2015. LEIA-SE COMO SEGUE E NÃO COMO CONSTOU: O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições legais, conforme o que lhe representou o Diretor de Orientação Técnica/ Núcleo de Educação Étnico-racial em parceria com a DOT-P da Diretoria Regional de Educação de Ipiranga, COMUNICA a realização do curso optativo “Histórias de vida e identidade Negra – Um passeio crítico sobre filmes e músicas da cultura negro-brasileira”.
V – VAGAS: 50 (cinquenta), destinadas aos servidores em exercício na DRE Ipiranga. No caso de haverem vagas remanescentes, as mesmas serão distribuídas para profissionais das demais DREs, por ordem de chegada das inscrições.

VI – CRONOGRAMA DE REALIZAÇÃO: Datas: 01/06; 03/06; 08/06; 22/06; 24/06; 29/06; 01/07;


..............................................................

DIÁRIO OFICIAL DA CIDADE DE SÃO PAULO – CIDADE - 26/05/2015 – PÁGINA 42
COMUNICADO Nº 735 DE 25 DE MAIO DE 2015.

O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições legais, conforme o que lhe representou o Diretor de Orientação Técnica/ Núcleo de Educação Étnico-racial em parceria com a DOT-P da Diretoria Regional de Educação de São Mateus, COMUNICA a realização do curso optativo “Histórias de vida e identidade Negra – Um passeio crítico sobre filmes e músicas da cultura negro-brasileira”.

 I JUSTIFICATIVA: Com base nas Leis Federais 10.639/03 e 11.645/08 e partindo do princípio de que a produção de narrativas a respeito de si próprio pode colaborar para que sejam construídas as identidades étnico-raciais dos indivíduos, este curso se fundamenta em três pilares: 01. O de linguagem e produção de sentido, com importante enfoque nas histórias de vida digitalizadas; 02. O de princípios educomunicativos para balizar tanto a teoria como as práticas desta atividade; e 03. O de identidade étnico-racial, com destaque para o “ser negro” no Brasil, a fim de se que possa contribuir para a construção da noção de sujeito do estudante negro brasileiro.

II. OBJETIVOS: - Identificar como se dá a construção de sentidos de identidade negra dentro e fora do ambiente escolar brasileiro e, especialmente, na Rede Municipal de Educação de São Paulo; - Discutir e refletir, através de atividades teórico-práticas, sobre a construção de identidades, especificamente da população negra brasileira; - Promover leitura crítica de filmes e de músicas do universo da cultura negra brasileira, a fim de provocar discussões e reflexões acerca dos sentidos identitários que podem ser construídos por meio de múltiplas linguagens;

III - METODOLOGIA: As aulas organizar-se-ão com exposição dialogada dos conteúdos, leitura compartilhada de excertos dos textos da bibliografia básica, utilização de recursos audiovisuais, sobretudo filmes e canções, reflexão e análise de material didático e planejamento e execução de práticas pedagógicas, durante o curso.

IV. PÚBLICO ALVO: Supervisor Escolar, Diretor de Escola, Assistente de Diretor de Escola, Assistente Técnico de Educação I, Coordenador Pedagógico, Auxiliar Técnico de Educação, Agente Escolar, Professor de Educação Infantil, Professor de Educação Infantil e Ensino Fundamental I, Professor de Ensino Fundamental II e Médio, Gestor de CEU, Coordenador de Ação Educacional, Coordenador de Ação Cultural, Coordenador de Ação de Esportes e Lazer, Coordenador de Projetos, Coordenador de Biblioteca.

V - VAGAS: 50 (cinquenta) vagas por turma.

VI - CRONOGRAMA DE REALIZAÇÃO: DRE IPIRANGA Dia da semana: Segunda e quarta-feira Datas: 01/06; 03/06; 08/06; 10/06; 15/06; 17/06; 22/06; 24/06/15 Horário: das 19h00 às 22h00 Local: Auditório da DRE Ipiranga – Rua Leandro Dupret, 525 – Vila Clementino – São Paulo – SP.

VII - INSCRIÇÕES: Os interessados em inscrever-se no curso deverão preencher o formulário com os seguintes dados: Nome completo; RF; Vínculo; RG; CPF; Padrão; Horário de trabalho; Cargo e função; Unidade de exercício e Unidade de lotação, a partir de 26/05/15, através do link: http://goo.gl/forms/dv5GbhQpLx   

VIII - CARGA HORÁRIA: O curso contará com carga horária de 24 (vinte e quatro) horas presenciais.

IX – REGÊNCIA: Profª Mestra Paola Diniz Prandini.

X - CONTEÚDOS: Encontro 01: Apresentação do curso; e debate sobre Histórias de Vida Digitalizadas. Encontro 02: Atividade com fotografias dos participantes e músicas acerca da temática de histórias de vida. Encontros 03 a 06: Exibição de filmes; audição de músicas e leitura crítica a partir de rodas de conversa coletivas e textos de referência. Encontro 07: Criação coletiva de histórias de vida digitalizadas. Encontro 08: Encontro para apresentação das atividades realizadas e avaliação do curso.

XI - CERTIFICAÇÃO: presença de 87,5% no curso e participação das atividades propostas durante as aulas.

XII - OBSERVAÇÃO: Não haverá dispensa de ponto.

XIII - ÁREA PROMOTORA: Secretaria Municipal de Educação/Diretoria de Orientação Técnica /Núcleo de Educação Étnico-racial e DOT-P das Diretorias Regionais de Educação



OBS: os cursos são importantes para a evolução funcional.


Nenhum comentário:

Postar um comentário