quarta-feira, 13 de maio de 2015

DRE Penha - Curso Optativo “PROMOVENDO SABERES E PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS”

DIÁRIO OFICIAL DA CIDADE DE SÃO PAULO – CIDADE - 13/05/2015 – PÁGINA 31
COMUNICADO Nº 40, DE 28 DE ABRIL DE 2015

O Diretor da Diretoria Regional de Educação Penha, no uso de suas atribuições legais, conforme o que lhe representou a Diretora da Divisão de Programas Especiais, COMUNICA a realização do Curso Optativo “PROMOVENDO SABERES E PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS”.

JUSTIFICATIVA: A atual crise hídrica que se instalou em vá- rias regiões de nosso país, e que tem atingido de forma drástica a Cidade de São Paulo, representa um cenário preocupante, consequência das mudanças climáticas em curso, mas também da ausência e/ou ineficiência de políticas de planejamento e gerenciamento desse recurso, comprometendo o abastecimento de água para o consumo da população. Assim, torna-se cada vez mais urgente a ampliação de espaços de reflexão, diálogo e de trocas de experiências, voltados para a produção de conhecimentos (científicos e populares) e práticas que favoreçam, em primeiro lugar, o enfrentamento da crise posta, bem como o desenvolvimento, daqui para frente, de modos de vida mais sustentáveis.

OBJETIVOS: - Promover o encontro e a troca de experiências entre educadores, agentes públicos que atuam na proteção ambiental, sociedade civil organizada, comunidade científica e interessados em geral no campo da sustentabilidade ambiental, sobretudo no campo da gestão e do uso sustentável dos recursos hídricos; - Fortalecer a discussão da educação ambiental nos espaços escolares e nas comunidades onde estão inseridos; - Fornecer subsídios para inspirar novas e/ou redirecionar práticas já consolidadas nas Unidades Educacionais, que auxiliem no processo de uso consciente dos recursos hídricos, refletindo sobre a inter-relação existente entre estes e outros elementos naturais explorados pelos grupos sociais.

CONTEÚDOS: * Crise hídrica: contexto e ações (Como a mídia constrói nossa visão de natureza e sustentabilidade); * Panorâmico histórico sobre o processo de urbanização da cidade de São Paulo e os impactos causados sobre o meio ambiente ao longo do tempo; * Conhecendo nascentes e cursos d’água presentes na Área de Proteção Ambiental onde está inserido o SESC-Itaquera, que abastecem a bacia do Rio Aricanduva; * Renaturalização dos espaços e recursos hídricos: possibilidades e análises de casos mundiais para revitalizar e renaturalizar áreas verdes, nascentes e cursos d’água da cidade; * Estruturas sustentáveis para captação e reutilização de água (Montagem de minicisterna e demonstração dos vasos freáticos que economizam água e impedem a proliferação de mosquitos transmissores de doenças).

METODOLOGIA: Exposições dialogadas, dinâmicas de grupo, trilha e oficinas temáticas.

PÚBLICO ALVO: Supervisor Escolar, Diretor de Escola, Assistente de Diretor de Escola, Coordenador Pedagógico, Professor de Educação Infantil e Ensino Fundamental I, Professor de Ensino Fundamental II e Médio, Professor de Educação Infantil, da DRE-Penha. Observação: será dada prioridade no momento de inscrição aos educadores das Unidades Educacionais que participaram dos encontros de formação e acompanhamento de projetos de sustentabilidade e meio ambiente, realizados em 2015, nos meses de Fevereiro Março e Abril da DRE-Penha (na ausência destes, serão considerados os demais interessados dentro do público-alvo especificado).

CARGA HORÁRIA: Total de 20 (vinte) horas, divididas em 2 (dois) encontros presenciais de 9 (nove) horas cada e 2 horas de atividades não presenciais para desenvolvimento de atividades do curso.

NÚMERO DE VAGAS: 30 vagas

CRONOGRAMA: DATAS: 11/06/2015 e 12/06/2015

LOCAL DE REALIZAÇÃO: SESC-Itaquera, situado à Avenida Fernando Espírito Santo Alves de Mattos, 1000, Itaquera, São Paulo.

HORÁRIOS: Das 8 às 17 horas

REGENTES: Cláudia Visoni, RG 13.477.693-8 (Conselho de Meio Ambiente, organizadora do Manual de Sobrevivência para a Crise da Água e apoiadora da Aliança pela Água e Agricultura Urbana), Nelson Reis Claudino Pedroso, RG 13.034.863-3 (Psicólogo e mestre em educação, presidente da Associação Global de Desenvolvimento Sustentado, coordenador de projetos nos comitês de Bacias Hidrográficas do Alto Tietê/Billings-Tamanduateí), Paula Santoro, RG 20.188.038-6 (Arquiteta e urbanista, professora da FAU-USP), Fabrício Muriana, RG 32.334.130.5 (Mestrando em Mudança Social e Participação Política, filósofo e comunicador social), Viviane Cristiana Santos, RG. 43.501.059-1 (SESC-Itaquera). 

INSCRIÇÃO: Os interessados deverão se inscrever exclusivamente pelo e-mail: mirtesmoreirasilva@prefeitura.sp.gov.br, até 08 de Junho de 2015. A garantia da vaga só se dará após o envio da mensagem de confirmação da inscrição, que ocorrerá no dia 9 de Junho de 2015 (um dia após o término das inscrições) pelo Setor de Programas Especiais da DRE-Penha.

CERTIFICAÇÃO: Farão jus à certificação os participantes que obtiverem frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento) sendo que deverão participar obrigatoriamente da mesa de palestras no dia 11 de Junho e de pelo menos duas oficinas propostas entre o dia 11 e 12 de Junho, bem como a entrega de um projeto de trabalho até 30 de Junho.

AVALIAÇÃO: Apresentação de avaliação escrita das atividades desenvolvidas no curso e posterior entrega de um projeto sobre a temática abordada.

ÁREA PROMOTORA: Diretoria Regional de Educação Penha/ Programas Especiais/Frente de Sustentabilidade e Meio Ambiente em parceria com o SESC/Itaquera

CONTATO: Programas Especiais – DRE-Penha: 3397-9183/ 3397-9187 – Responsáveis pelo curso: Mirtes Moreira Silva – RF. 651.780.3/2 e Eliane Ribeiro Malaquias – RF 662-474.1/2



OBS: os cursos são importantes para a evolução funcional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário