terça-feira, 21 de julho de 2015

Formação Inicial para Educadores e Profissionais da Saúde – “Programa Jogo Elos – Construindo Coletivos”

DIÁRIO OFICIAL DA CIDADE DE SÃO PAULO – CIDADE - 21/07/2015 – PÁGINA 35
COMUNICADO Nº 985, DE 20 DE JULHO DE 2015.

O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições legais, conforme o que lhe representou a Coordenadora de Programas Especiais e CEUs, da Secretaria Municipal de Educação e, CONSIDERANDO: - a adesão do município de São Paulo ao Programa Saúde na Escola – PSE, a Política Intersetorial do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação, voltada às crianças, adolescentes, jovens e adultos da educação pública brasileira para promoção e a prevenção de doenças e agravos à saúde; - os princípios do PSE de intersetorialidade, integralidade e territorialidade; - a necessidade de fortalecer a integração e a articulação entre os órgãos de educação e de saúde, com vistas ao enfrentamento das vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino; - a política intersetorial de educação e saúde, como subsídio para uma formação integral e usufruto pleno dos direitos humanos; - a progressiva ampliação das ações executadas pelos sistemas de educação e de saúde, visando à atenção integral à saúde de crianças e adolescentes; - a promoção e articulação de saberes, a participação de estudantes, pais, comunidade escolar e sociedade em geral na construção e controle social da política pública, CONVOCA os Professores de Educação Infantil e Ensino Fundamental I das Unidades Educacionais que especifica para participar do Curso de Formação Inicial para Educadores e Profissionais da Saúde – “Programa Jogo Elos – Construindo Coletivos”, destinado a crianças de 6 a 10 anos, na seguinte conformidade:

I-JUSTIFICATIVA: O desenvolvimento de habilidades de vida tem se mostrado uma estratégia eficiente no campo da prevenção ao uso de álcool e outras drogas, ao possibilitar o fortalecimento dos educandos para o enfrentamento de vulnerabilidades dos contextos onde vivem. Concomitantemente, mostra-se necessário intervir no próprio meio social em que os indivíduos estão inseridos, a fim de que as habilidades de vida fomentadas sejam reconhecidas e solidificadas socialmente. O Programa “Jogo Elos – Construindo Coletivos” agrega estratégias que intervêm nesses dois âmbitos de proteção à criança de 6 a 10 anos, apresentando alto potencial preventivo ao uso de álcool e outras drogas. 

OBJETIVO GERAL Promover a formação integrada de profissionais da Saúde e de Educação dos diferentes territórios do município de São Paulo para implementarem o Programa “Jogo Elos – Construindo Coletivos”, visando o desenvolvimento de fatores de proteção em relação ao uso de álcool e outras drogas, envolvendo crianças de 6 a 10 anos, matriculadas nos Ciclos de Alfabetização e Interdisciplinar do Ensino Fundamental da Rede Municipal do Ensino. OBJETIVOS ESPECÍFICOS * Fomentar as seguintes habilidades de vida junto aos educandos: Autonomia, Autoconhecimento, Assertividade, Autocontrole, Protagonismo, Tolerância, Empatia, Cooperação e Oralidade; * Promover o desenvolvimento de um “Coletivo Democrático” em sala de aula, em ambientes familiares e comunitários; * Diminuir a incidência de interações agressivas, disruptivas e de retraimento por meio do incentivo às habilidades de vida de proteção; * Solidificar a parceria saúde-educação e o vínculo escolacomunidade-profissionais da saúde-rede de proteção social; * Ampliar o potencial das habilidades de vida fortalecidas pelo programa, envolvendo pais-comunidade; * Fortalecer a rede de proteção social; * Colaborar na promoção da saúde dos profissionais da saúde-educação-famílias- comunidade.

III-METODOLOGIA: O Programa utiliza um conjunto de estratégias que possibilitam a mediação de relações sociais na sala de aula-famíliascomunidades de pertencimento dos educandos, com a finalidade de contribuir para a produção de interações harmônicas e cooperativas dos educandos; educandos-educador; educandoscomunidade de pertencimento; e educadores-educandos- comunidade de pertencimento. Esta mediação é facilitada por alguns elementos básicos e necessários para o desenvolvimento de habilidades de vida dos educandos, sendo elas pressupostos para a construção de coletivos. O Programa é constituído de dois componentes – Escolar e Comunitário - cada qual configurado por uma sequência metodológica específica: Componente Escolar: Jogo Elos - Configura-se como uma proposta lúdica conduzida pelo educador e realizada em conjunto com qualquer atividade escolar que não necessite da intervenção direta do educador durante 10 a 30 minutos, 3 a 5x por semana, pelo educador em sua turma. - Elementos centrais: - Combinados de convivência - Formação de Equipes - Reconhecimento - Acompanhamento Componente Comunitário: - É constituído por três encontros comunitários dos quais participam os educandos participantes do programa, adultos de referência de suas comunidades de pertencimento, coordenados pelos profissionais da educação e da saúde para fomentar o desenvolvimento das habilidades de vida: “Autoconhecimento”, “Lidar com sentimentos” e “Comunicação eficaz” - Estrutura de cada encontro: - Cada um dos Encontros terá 2(duas) horas de duração. - No 1º momento, pais e responsáveis reúnem-se no Grupo Gente Grande e, separadamente, as crianças de 06 a 10 anos participam do Grupo Pequeninos. - No 2º momento, os dois grupos se reúnem e participam juntos do Grupo Todos Juntos.

IV-PÚBLICO ALVO: Supervisor Escolar, Diretor de Escola, Assistente de Diretor, Coordenador Pedagógico, Professores do Ensino Fundamental I, Assistente Técnico Educacional I das DRE, Coordenadores da Secretaria Municipal de Educação que atuarão no Programa Jogo Elos, das Unidades Educacionais abaixo relacionadas: DRE UNIDADE EDUCACIONAL IPIRANGA EMEF ALVARES DE AZEVEDO PENHA EMEF HUMBERTO DE CAMPOS SÃO MATEUS EMEF DIRCE GENÉSIO DOS SANTOS, PROFª SÃO MATEUS EMEF HENRIQUE MÉLEGA SÃO MATEUS EMEF JÚLIO DE GRAMMONT SÃO MATEUS EMEF VINÍCIUS DE MORAES SÃO MATEUS EMEF VILANOVA ARTIGAS, ARQ.

V-CARGA HORÁRIA: - 16horas (dois dias de 8 horas cada um)

VIII-CRONOGRAMA/LOCAL: DATAS: 05 e 06 de agosto de 2015 

HORÁRIO: das 08h00 às 17h00

LOCAL: Escola SENAI Theobaldo De Nigris (Auditório). 

ENDEREÇO: Rua Bresser, 2.315 – Mooca. Fone: 2797 6311

IX– NÚMERO DE VAGAS: Educadores: 14

X–AVALIAÇÃO: processual com ênfase na qualidade da participação presencial, na qualidade das propostas desenvolvidas pelos educadores e alunos envolvidos.

XI – CERTIFICADO: fará jus à Certificação o participante que desenvolver as atividades propostas durante o Curso; apresentar um aproveitamento satisfatório ou plenamente satisfatório e apresentar 100% de frequência.

XII – REGÊNCIA: Multiplicadores do Ministério da Saúde.

XIII – COORDENAÇÃO DO PROGRAMA NA SME: Maria Silvia Cavasin Matanó – RF 1169173 V3 Márcia Helena Matsushita – RF 5780454 V2 Denise Mortari Gomes Del Grandi – RF 56628342 V3 Ricardo Marcolino Pinto – RF 7058611 V1

XIV – DISPENSA DE PONTO: ficam dispensados do ponto os profissionais envolvidos no Programa, na conformidade do disposto na Portaria nº 4.628, de 20/07/2015.


XV – ÁREA PROMOTORA: Ministério da Saúde/SME G – Coordenadoria de Programas Especiais e CEUs/Saúde Escolar

Nenhum comentário:

Postar um comentário