sábado, 19 de março de 2016

CURSO DOCUMENTAÇÃO PEDAGÓGICA

DIÁRIO OFICIAL DA CIDADE DE SÃO PAULO – CIDADE - 19/03/2016 – PÁGINA 57
COMUNICADO Nº 09, DE 16 DE MARÇO DE 2016.

O DIRETOR REGIONAL DE EDUCAÇÃO PIRITUBA/JARAGUÁ, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, COMUNICA A REALIZAÇÃO DO CURSO DOCUMENTAÇÃO PEDAGÓGICA, CONFORME ESPECIFICAÇÕES A SEGUIR:

I - JUSTIFICATIVA: A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO E CUIDADO DE BEBÊS E CRIANÇAS EM ESPAÇOS COLETIVOS, AFIRMA-SE HOJE COMO UMA NECESSIDADE, MAS, SOBRETUDO COMO DIREITO, GARANTIDO EM LEI. A BUSCA DESSA QUALIDADE SE PAUTA NOS PRINCÍPIOS DA PEDAGOGIA DA INFÂNCIA QUE RECONHECEM A PLURALIDADE DAS INFÂNCIAS BRASILEIRAS E INSTIGAM AS INSTITUIÇÕES EDUCATIVAS A ELABORAREM SUAS PROPOSTAS PEDAGÓGICAS TENDO COMO CENTRO DO PLANEJAMENTO CURRICULAR, OS BEBÊS E AS CRIANÇAS, SEJAM ELAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL OU DO ENSINO FUNDAMENTAL. PENSADO COMO UM FLUXO CONTÍNUO, O CURRÍCULO PARA A INFÂNCIA DEVE ARTICULAR E INTEGRAR ESSES DOIS NÍVEIS DE MODO A EVITAR A DESCONTINUIDADE OU FRAGMENTAÇÃO, CONFORME PROPÕE O CURRÍCULO INTEGRADOR DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO. A PERSPECTIVA CONTEMPLADA NO DOCUMENTO APONTA PARA A NECESSIDADE DE PENSAR UM CURRÍCULO DA, PARA E COM A INFÂNCIA, QUE SE CONSTRÓI A PARTIR DA REFLEXÃO SOBRE AS CONCEPÇÕES QUE ORIENTAM AS PRÁTICAS EDUCATIVAS DE MODO A GARANTIR O PROTAGONISMO DE ADULTOS E CRIANÇAS. ESSE PROCESSO REQUER PROFESSORAS(ES) SENSÍVEIS ÀS MANIFESTAÇÕES DAS CULTURAS INFANTIS E PESQUISADORES(AS) DAS SUAS PRÁTICAS, OU SEJA, UM PROFISSIONAL QUE RECONHECE A IMPORTÂNCIA DO SEU PAPEL NA ORGANIZAÇÃO DO COTIDIANO (ESPAÇOS, TEMPOS, INTERAÇÕES E MATERIAIS), DA MESMA FORMA EM QUE ASSUME A OBSERVAÇÃO, A ESCUTA, O REGISTRO E A DOCUMENTAÇÃO COMO FERRAMENTAS INDISPENSÁVEIS PARA A QUALIDADE DO TRABALHO EDUCATIVO. O QUE OS BEBÊS E AS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL E DO ENSINO FUNDAMENTAL FAZEM, PENSAM E EXPRESSAM POR MEIO DE DIFERENTES LINGUAGENS, SÃO IMPORTANTES FONTES DE CONHECIMENTO E INVESTIGAÇÃO PARA EDUCADORAS E EDUCADORES SOBRE AS HIPÓTESES DAS CRIANÇAS, SUAS APRENDIZAGENS E SEUS SABERES E FAZERES, ASSIM COMO SOBRE SUA PRÓPRIA AÇÃO. NESSE SENTIDO, A DOCUMENTAÇÃO POSSIBILITA A TRANSFORMAÇÃO E A QUALIFICAÇÃO DA AÇÃO EDUCATIVA, À MEDIDA QUE EXPLICITA UMA CONCEPÇÃO TEÓRICA E AS INTENÇÕES PEDAGÓGICAS DELA DECORRENTES. CABE DESTACAR AINDA, QUE A DOCUMENTAÇÃO PRESSUPÕE UM PROCESSO COLETIVO DE REFLEXÃO QUE SE INICIA COM O REGISTRO DA PROFESSORA E DO PROFESSOR, MAS QUE DEVE SER DEBATIDO COLETIVAMENTE. A ANÁLISE, O CONFRONTO E AS INDAGAÇÕES SOBRE O CONTEÚDO DOS REGISTROS, FAVORECEM O DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS INDIVIDUAIS E COLETIVAS DOS PROFISSIONAIS, SUPERANDO A VISÃO DE CONSUMIDORES E REPRODUTORES DE UM SABER JÁ CONSTITUÍDO PARA COLOCÁ-LOS NA POSIÇÃO DE CONSTRUTORES DE TEORIA SOBRE E COM A INFÂNCIA. DIANTE DOS ASPECTOS APONTADOS, O CURSO SE PROPÕE A DISCUTIR O SIGNIFICADO E AS POSSIBILIDADES PEDAGÓGICAS DA DOCUMENTAÇÃO NA FORMAÇÃO DOS(AS) PROFESSORES(AS), NO ACOMPANHAMENTO DO PERCURSO E NA ELABORAÇÃO DOS PROJETOS DESENVOLVIDOS PELAS CRIANÇAS JUNTO COM OS ADULTOS. DA MESMA FORMA, PROCURA ENFATIZAR AS LINGUAGENS FOTOGRÁFICA E MIDIÁTICA QUE DÃO VISIBILIDADE AOS GESTOS, À FALA, ÀS APRENDIZAGENS DAS CRIANÇAS E POSSIBILITAM AO PROFESSOR E À PROFESSORA A RESSIGNIFICAR AS SUAS PRÁTICAS EDUCATIVAS COTIDIANAS.

II - OBJETIVOS: • REFLETIR SOBRE O SIGNIFICADO DA DOCUMENTAÇÃO PEDAGÓGICA PARA O ACOMPANHAMENTO E VISIBILIDADE DO PERCURSO DA CRIANÇA. • DISCUTIR A IMPORTÂNCIA DA OBSERVAÇÃO E DA ESCUTA ATENTA DO(A)PROFESSOR(A) PARA DESENVOLVER O TRABALHO COM BEBÊS E CRIANÇAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL. • COMPREENDER A FOTOGRAFIA COMO REGISTRO CULTURAL E DOCUMENTO SOCIAL • RECONHECER E FAZER USO DAS FOTOGRAFIAS COMO LINGUAGEM FUNDAMENTAL PARA A PRÁTICA PEDAGÓGICA.

III - CONTEÚDO: • A EDUCAÇÃO INFANTIL DE QUALIDADE COMO DIREITO DAS CRIANÇAS. • OS PRINCÍPIOS DA PEDAGOGIA DA INFÂNCIA. • A DOCUMENTAÇÃO PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL. • CARACTERÍSTICAS E FINALIDADES DE REGISTROS, NAS SUAS DIFERENTES FORMAS. • EXPERIÊNCIAS COM A DOCUMENTAÇÃO PEDAGÓGICA NAS UNIDADES EDUCACIONAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL, NO TRABALHO DESDE A PRIMEIRA INFÂNCIA. • A FOTOGRAFIA COMO REGISTRO CULTURAL E DOCUMENTO SOCIAL.

IV - METODOLOGIA: O PROCESSO DE FORMAÇÃO ESTÁ ORIENTADO POR UMA CONCEPÇÃO DE CRIANÇA QUE DESDE O NASCIMENTO É ATIVA, COMPETENTE, CAPAZ, APRENDE E SE DESENVOLVE NA RELAÇÃO COM O OUTRO E COM O AMBIENTE, CUJA EDUCAÇÃO E CUIDADO PRESSUPÕEM UM ADULTO, IGUALMENTE COMPETENTE E CAPAZ DE ASSUMIR-SE COMO AUTOR DO SEU PERCURSO. NESSE SENTIDO, A METODOLOGIA PROCURA PROBLEMATIZAR E REFLETIR SOBRE O CONTEXTO E AS CONDIÇÕES CONCRETAS COTIDIANAS, UTILIZANDO-SE DE REFERÊNCIAS TEÓRICAS E PRÁTICAS QUE POSSIBILITEM COMPREENDER A DOCUMENTAÇÃO PEDAGÓGICA COMO FORMA DE SUPERAR O FAZER EDUCACIONAL TRADICIONAL, ASSIM COMO CONHECER E CONSTRUIR TEORIAS SOBRE OS SABERES E AS MANIFESTA- ÇÕES INFANTIS. DA MESMA FORMA, DISCUTE A OBSERVAÇÃO E O REGISTRO NAS SUAS DIFERENTES FORMAS – FOTOGRAFIA, VÍDEOS, REGISTROS ESCRITOS, DESENHOS E PRODUÇÕES DAS CRIANÇAS - E AS POSSIBILIDADES DE CONSTRUÇÃO DE SIGNIFICADOS QUANDO EM DIÁLOGO COM OS DIFERENTES SUJEITOS ENVOLVIDOS: FAMÍLIAS, CRIANÇAS E EDUCADORES. NO DECORRER DOS ENCONTROS, TAMBÉM ESTÃO PREVISTAS VIVÊNCIA COM FOTOGRAFIA E OUTRAS FORMAS DE REGISTROS DE PRÁTICA PARA SEREM ANALISADAS E DISCUTIDAS COLETIVAMENTE.

V - PÚBLICO ALVO: 1 PROFESSOR DE EDUCAÇAO INFANTIL POR UNIDADE E 23 VAGAS PARA PROFESSORES DE ENSINO FUNDAMENTAL QUE ESTEJAM NO CICLO DE ALFABETIZAÇAO

VI - CARGA HORÁRIA TOTAL: 16 HORAS

VII - CRONOGRAMA:
TURMA 1- CEU JAGUARÉ 6, 13, 20 E 27 DE ABRIL DE 2016 - MANHA (8H ÁS 12H)
TURMA 2 – DRE PIRITUBA 6, 13, 20 E 27 DE ABRIL DE 2016 - TARDE (13H30 ÁS 17H30)

VIII - TOTAL DE VAGAS: 50 VAGAS POR TURMA QUANTIDADE DE TURMAS: 2

IX - REGENTE: PROFESSORA MS ANITA VIUDES CARRASCO DE FREITAS

X- CERTIFICAÇÃO: FARÃO JUS À CERTIFICAÇÃO PARA FINS DE EVOLUÇÃO FUNCIONAL AQUELES QUE OBTIVEREM 100% DE FREQUÊNCIA AO LONGO DO CURSO. O CONCEITO SERÁ (S) SATISFATÓRIO PARA OS PROFESSORES QUE PARTICIPAREM DAS ATIVIDADES PROPOSTAS.

XI - INSCRIÇÕES: AS INSCRIÇÕES SERÃO REALIZADAS VIA FORMULÁRIO (http://goo.gl/forms/2EXkZPrsRw ) QUE SERÁ ENCAMINHADO A TODAS AS ESCOLAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL E EMEFS, EMEFMS E EMEBS .


XII - ÁREA PROMOTORA: DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO PIRITUBA/JARAGUÁ

Nenhum comentário:

Postar um comentário